Primavera será marcada por muita chuva e alta incidência de raios solares em MS

foto - primavera - saul schramm

Luis Vilela Assumpção / Jornal ‘O Estado’

20/09/2017

A primavera começa na sexta-feira (22), e com ela virão mudanças no regime de chuvas e temperaturas na maior parte de Mato Grosso do Sul. Segundo o meteorologista Natálio Abrahão Filho, as chuvas serão mais intensas e frequentes nessa estação. O período de águas já começa na próxima semana, na segunda-feira, se prolongando até sábado.

“É o período de transição entre a estação seca do inverno e a estação chuvosa do verão mais adiante. Tornam-se mais frequentes as formações de nuvens carregadas e iniciam-se as pancadas de chuva ao começo da noite.”

A última semana do inverno, porém, permanece sem chuvas; na segunda-feira completou um mês da estiagem, já que a última vez que a Capital viu uma precipitação foi no dia 18 de agosto. A umidade relativa do ar também permanece abaixo nos níveis indicados até o início da nova estação.

Outubro será o mês mais quente do ano, podendo atingir até 38ºC na sombra

Natálio informou que durante a primavera os raios de sol passam a ser mais verticais no Hemisfério Sul, aumentando a quantidade de energia e fortalecendo as nuvens de trovoadas nos fins de tardes. Em algumas ocasiões, aumentam as ocorrências de raios, ventos fortes e até queda de granizo.

Durante o período também podem ocorrer formações fortes de bandas de nuvens chamadas de CCMS (complexos convectivos de meso-escala), que são sistemas que provocam grande quantidade de chuva e descargas elétricas em períodos relativamente curtos.

Na primavera, as temperaturas aumentam gradativamente no Centro-Oeste. Outubro será o mês mais quente do ano, com as máximas podendo atingir valores acima dos 38ºC na sombra, elevados em função da forte radiação solar e da maior frequência de dias com céu claro.

“Esperam-se temperaturas máximas próximas dos 42ºC em meados de outubro no oeste, norte e leste de Mato Grosso do Sul”, pontua o meteorologista.

*A foto supimpa é de Saul Schramm/ Jornal ‘O Estado’.

*****

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s