Recurso ao STF mostra que Dilma espera derrota, diz analista

sculler

Briga na Justiça: para Schüler, últimas decisões do STF encorajam Dilma tentar a sorte por lá (Foto: Reprodução / O Financista)

14 ABR 2016

O Financista / Terra

A AGU (Advocacia Geral da União), comandada pelo ex-ministro da Justiça José Eduardo Cardozo, entrou com um mandado de segurança no STF (Supremo Tribunal Federal) para anular o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. Na petição, Cardozo alega que a tramitação está cheia de vícios que deveriam impedir seu avanço.

A reação do governo é compreensível, segundo o cientista político Fernando Schüler, professor do Insper, mas é também revelador de que Dilma e sua tropa de choque entenderam que serão derrotados na votação do pedido pelo plenário da Câmara, marcada para o domingo (17). “Dilma só vai recorrer, se concluir que será derrotada; do contrário, seria um tiro no próprio pé”, afirma Schüler, em entrevista a O Financista, realizada na terça-feira (12).

Assista aos principais trechos da conversa:(Vídeo)

SAIBA MAIS:

COLUNA-Governo admite derrota na Câmara sobre impeachment

Cardozo faz defesa e chama impeachment de “golpe de abril”

Relatório na Câmara é favorável ao impeachment: entenda argumentos

Cardozo faz defesa de Dilma e diz que impeachment é inválido

Corrupção não é argumento para impeachment, diz especialista

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s